quinta-feira, 27 de agosto de 2009

“Tudo o que você puder fazer ou sonhar que pode, comece. A audácia tem gênio, poder e mágica”. - Goethe.

É muito bom sabermos que ao começar a traçar os passos para fazermos o que sonhamos, todas essas características mencionadas por Goethe se unem para nos impulsionar.
Porém, quando perguntam dos nossos sonhos, por vezes finalizamos com alguma frase que desaba tudo o que foi idealizado. Além de pensar ainda dizemos: “há, mas isso é impossível, nunca conseguirei ter o carro dos meus sonhos ou a casa dos meus sonhos, ou qualquer coisa que eu queira realizar, eles custam muito caro”.
Nesse momento podem nos perguntar: “Você sabe quanto custa?” Provavelmente diremos que nem ao menos queremos saber pois essas coisas estão fora do nosso alcance!
Pronto! Acabamos de passar a informação ao cérebro de que os sonhos estão fadados ao fracasso.
Mas não se desespere, sempre há tempo para começar.
O primeiro passo é prestar atenção às palavras por nós utilizadas, elas têm muita força e poder, mesmo que não tenhamos consciência disso. O segundo passo é alterá-las quando nos expressamos. O próximo passo é dimensionar e quantificar o caminho a ser trilhado e qual o valor envolvido para o sonho sair do papel.
Na prática isso significa que ao invés de falarmos sobre a impossibilidade de concretização dos nossos projetos podemos pensar e dizer que há pessoas sempre dispostas a nos ajudar a realizar os nossos sonhos.
É importante ter a noção do todo e saber aonde se quer chegar mesmo que no meio do caminho haja alguns desvios, ao mesmo tempo também é necessário traçar pequenas metas e verificar qual o resultado obtido.
Ao iniciarmos esse processo, todo o Universo estará conspirando a nosso favor. Então, talvez hoje seja o melhor dia para darmos uma espiada na caixa dos nossos sonhos e quem sabe dar-lhes vida!

Thatiana Tondato – Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Site: www.thatianatondato.com.br

“Paz e Luz”

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 21/08/09

Nenhum comentário:

Postar um comentário