terça-feira, 27 de dezembro de 2011

“Assim como os mais belos arco-íris nascem da chuva, as mais belas lições nascem da dor.” Anônimo

Quando era pequena acreditava que as crianças deveriam governar o mundo. Eu achava os adultos muito complicados... um dia cresci e descobri que os adultos são realmente complicados. Vivem no passado com saudades da infância e esquecem de aproveitar o dia de hoje mesmo sabendo que ele também será passado.
Você sabe qual é a maior distância do mundo? É a distância que vai da mente ao coração.
Quando vivemos plenamente no agora é possível unir a mente ao coração e entender as lições desse dia.
Sei que às vezes isso dá medo....enfrentar o presente e estar consciente das escolhas. Mas talvez valha a pena tentar.
Estar presente nesse momento nos permite saber que haverá um arco-íris depois da chuva e que é sempre mais escuro antes de amanhecer, mas logo o sol aparecerá.
Confie no processo da vida.
2012 está chegando...faça seus pedidos ao Universo. Crie felicidade à sua volta e saiba que você é sempre abençoado muito além dos seus sonhos.
“Paz e Luz”
Thatiana Tondato – Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional.
Assista ao Programa de TV Espaço Algharve acessando o site: www.thatianatondato.com.br


Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 23/12/2011

“O maior medo das pessoas é dar um novo passo para em direção a um mundo totalmente novo.” Dostoiévski

As mudanças costumam nos mostrar novas direções porém às vezes temos que nos desprender do conhecido para seguir adiante. E nem sempre isso é fácil... um dia desses, li um livro que comparava a vida a uma viagem de trem...
“ A vida é como uma viagem de trem e essa é uma comparação extremamente interessante, quando bem interpretada.
Interessante, porque nossa vida é como uma viagem de trem...cheia de embarques e desembarques, de pequenos acidentes pelo caminho, de surpresas agradáveis com alguns embarques e de tristezas com os desembarques.
Quando nascemos, ao embarcarmos nesse trem encontramos duas pessoas que, acreditamos que farão conosco a viagem até o fim: nossos pais. Não é verdade pois em alguma estação, eles desembarcam. Mas isso não impede que, durante a viagem, embarquem pessoas interessantes e que serão especiais para nós: nossos irmãos, amigos e amores. Muitas pessoas tomam esse trem a passeio outras fazem a viagem experimentando somente tristezas. E no trem há, também, outras que passam de vagão em vagão, prontas para ajudar quem precisa. Muitos descem e deixam saudades eternas. Outros tantos viajam no trem de tal forma que, quando desocupam seus assentos, ninguém sequer percebe. Curioso é considerar que alguns passageiros que nos são tão caros acomodam-se em vagões diferentes do nosso. Isso nos obriga a fazer essa viagem separados deles. Mas isso não nos impede de atravessarmos nosso vagão e chegarmos até eles. O difícil é aceitarmos que não podemos sentar ao seu lado, pois outra pessoa estará ocupando esse lugar. Essa viagem é assim: cheia de atropelos, sonhos, fantasias, esperas, embarques e desembarques. Sabemos que esse trem jamais voltará. Façamos essa viagem da melhor maneira possível, tentando manter um bom relacionamento com todos, procurando em cada um o que há de melhor, lembrando sempre que em algum momento do trajeto poderão fraquejar e provavelmente, precisaremos entender isso.
Nós mesmos fraquejamos algumas vezes. E certamente, alguém nos entenderá. O grande mistério é que não sabemos em qual parada desceremos. E fico pensando: quando eu descer desse trem sentirei saudades? Sim. Mas me agarro na esperança de que, em algum momento, estarei na estação principal, e terei a emoção de vê-los chegar com a bagagem e o conhecimento que não tinham quando embarcaram. E o que me deixará feliz é saber que, de alguma forma, eu colaborei para que essa bagagem tenha crescido e se tornado valiosa.
Agora, nesse momento, o trem diminui sua velocidade para que embarquem e desembarquem pessoas. Minha expectativa aumenta, à medida que o trem vai diminuindo sua velocidade...
Quem entrará? Quem sairá?
Podemos pensar no desembarque do trem, não apenas como o término de uma história...Mas como o início de um novo caminho
Um caminho repleto de novidades, aprendizado, criatividade e o principal: amizades e muito carinho. Fico feliz em perceber que certas pessoas como nós possui a capacidade de reconstruir para recomeçar. Agradeço muito por você fazer parte da minha viagem, e por mais que nossos assentos não estejam lado a lado......com certeza,o trem é o mesmo.”


“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português -Toronto - Canadá - 16/12/2011

“ Nunca deixe de tentar” - Michael Jordan

Você já imaginou se pudesse realizar os sonhos? Não apenas os desejos materiais mas aqueles que se encontram bem guardados no seu coração?
O que te impede?
Quando paramos para pensar nisso encontramos vários motivos para não sair do lugar: é difícil, é impossível, não possuo as características necessárias, e assim por diante.
Por vezes já tentamos tanto e não deu certo que acabamos desistindo de vez.
Mas o Universo adora nos surpreender... e às vezes algumas pessoas são colocadas nos nossos caminhos para voltamos a acreditar em nós mesmos.
Quando isso acontecer, agradeça por esses momentos.
Um dia ouvi uma história bem interessante sobre esse assunto:
“Era uma vez um homem que tinha dois potes para água e ele os transportava nos ombros, cada um pendurado numa ponta de um cabo de madeira. Um dos potes era rachado e, quando o homem voltava para casa, estava sempre pela metade, pois a outra metade da água se perdia pelo caminho.
O pote rachado se sentia envergonhado, por nunca conseguir fazer o serviço direito. Além disso, era humilhado pelo outro pote, que se mostrava orgulhoso de seu desempenho.
Depois de algum tempo, não suportando mais aquela situação, o pote rachado disse ao homem que era melhor deixá-lo de lado e arrumar outro pote que conseguisse fazer o serviço melhor do que ele.
E o homem disse ao pote:
- Hoje, quando formos novamente buscar água quero que você veja o caminho de volta.
E assim o fizeram. O pote então observou que em todo o caminho do seu lado havia flores, ao passo que do outro lado, o do pote inteiro nada havia.
O homem explicou ao pote:
- Eu sempre soube do seu defeito e resolvi me aproveitar dele. Assim, plantei sementes de flores do seu lado e, cada dia, enquanto eu volto do riacho, você as rega. Por dois anos eu tenho sido capaz de colher estas lindas flores para decorar a mesa. Se você não fosse do jeito que é, nunca iria ter esta beleza para agraciar a casa.”




“Paz e Luz”



História tirada do livro “ As mais belas parábolas de todos os tempo” de Alexandre Rangel



Thatiana Tondato – Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa de TV Espaço Algharve acessando o site www.thatianatondato.com.br





J
ornal: Sol Português – Toronto – Canadá – 09/12/2011

“ O segredo do sucesso é a constância do propósito” – Benjamin Disraeli

A maior parte dos nossos sonhos não se realiza porque desistimos rápido demais deles. Na verdade gostaríamos de vê-los concretizados em um passe de mágica.
Mas não é assim que acontecem as coisas no Universo.
No Universo não há desperdício de tempo, então tudo aquilo que puder ser utilizado para a nossa evolução será aproveitado.
O sonho é uma grande matéria prima para aprimorar a paciência, a harmonia, a ação positiva, a iniciativa e superar a inércia.
Temos que aprender o momento certo de agir e também saber quando esperar. Quando falar e quando calar. Qual o momento certo de assumir o controle da situação e quando deixar o tempo mostrar o melhor caminho.
Por isso ao te dar um desejo, o Universo também disponibilizará todas as ferramentas para a sua concretização.
O quanto você quer aquilo que você quer? Essa é uma pergunta que sempre faço ao leitor.
Ela é muito importante, pois permite analisar as conseqüências dos nossos pedidos e o quanto queremos seguir adiante para vê-los realizados.
Se você já está decidido, siga adiante. Coloque certezas no seu coração.
E como disse Benjamim Disraeli, escritor e político britânico: “ O segredo do sucesso é a constância do propósito”


“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português – Toronto – Canadá – 02/12/2011

Para a arte de viver, é preciso saber a arte de ouvir, sorrir e ter paciência... sempre.” Hermann Hesse

Sabe aqueles dias em que você sente que está estagnado? Não sabe para qual lado seguir?
Tenho algo a dizer sobre esses dias...apesar de não parecer, eles são o ponto de mutação, ou seja, uma grande oportunidade para modificar o seu pensamento.
Mas para isso é necessário você deixar o desânimo de lado porque ele sempre acompanha a estagnação. Para romper isso, necessitamos fazer um esforço extra.
Levante, pegue um bom livro e dê uma olhadinha em algumas páginas. Observe se há um jeito de pensar diferente nessas páginas.
Agora coloque o livro de lado, feche os olhos e deixe as informações ganharem sentido.
Esse é um bom jeito de nos sacudir.
Quando estamos nos sentindo sem inspiração esse é o melhor momento para nos renovar. Muitas vezes para começar um novo caminho é necessário deixar alguns conceitos de lado, dar brilho em outros e adquirir novos jeitos de ver a vida.
Ao invés do livro você pode optar por correr, fazer uma caminhada, conversar com algum amigo, ouvir uma música ou simplesmente aquietar-se e perguntar ao seu coração aquilo que você necessita saber.
Como disse Hermann Hesse “Para a arte de viver, é preciso saber a arte de ouvir, sorrir e ter paciência... sempre.”
Ouça, sorria sempre, aja com consciência, tenha paciência e acredite sempre em você.
Que a sua semana seja muito iluminada.


“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional.
Assista ao Programa de TV Espaço Algharve acessando o site: www.thatianatondato.com.br


Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 25/11/2011

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

“O céu sabe colocar o preço certo nas coisas” Thomas Paine

As maiores vitórias são aquelas que conquistamos. Quando queremos algo ou uma solução e elas caem nas nossas mãos com muita facilidade nem sempre valorizamos toda a experiência que está por trás disso. Então perdemos a chance das lições por não darmos importância.
A frase de Thomas Paine, um pensador britânico fala exatamente disso: “Tudo o que obtemos com excessiva facilidade valorizamos muito pouco. Só damos real valor ao que amamos. O céu sabe colocar o preço certo nas coisas”
Talvez algumas coisas não aconteçam no tempo almejado por nós porque necessitamos nos lapidar e estarmos prontos para receber a benção da conquista. O importante também é saber por que queremos algo e o que faremos caso o nosso desejo se realize.
Por vezes para alcançarmos um novo patamar, aquilo que sabemos não é suficiente. Temos que nos reformular para assim podermos solucionar, criar ou realizar um determinado empreendimento.
Einstein disse : “Nenhum problema pode ser resolvido pelo mesmo estado de consciência que o criou”.
Lembre-se sempre: nem tudo acontece no nosso tempo e nenhuma folha da árvore cai sem divina permissão...enquanto isso esteja pronto, preparado e receba todos os lampejos de insight para se renovar , realizar seus sonhos e aproveitar todo o caminho das suas conquistas.

“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site
www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 18/11/11

“Aquele que conhece os outros é sábio. Aquele que conhece a si mesmo é iluminado.” Lao Tsé

Existem frases que realmente nos fazem refletir... essa com certeza é uma delas!
Como está a sua decisão de se conhecer, vencer a si mesmo e superar os obstáculos?
Raramente pensamos sobre isso, na verdade somente temos contato com a enorme força existente em nós quando realmente necessitamos. Entretanto podemos treinar todo dia a decisão de superar os próprios limites impostos por nós mesmos e assim quando chegar o momento de alterar o rumo dos acontecimentos estaremos prontos.
É mais ou menos o que acontece nos esportes, a pessoa não diz: “vou ser um grande tenista, ou jogador de basquete” e no outro dia ela já se tornou. Claro a visualização é essencial, porém a prática é que tornará o sonho realidade.
Para ultrapassarmos um momento mais delicado necessitamos às vezes de uma tonelada de informação para alterar um grama de percepção. Essa informação toda pode vir de uma só vez ou um pouco por dia, dependerá da sua prática.
Quanto melhor preparados estivermos para viver o dia de hoje com todas as suas bênçãos e lições, mais leve será a jornada.
Chico Xavier nos deixou alguns conselhos simples e maravilhosos para o dia-a-dia:
“Quando você conseguir superar graves problemas de relacionamentos, não se detenha na lembrança dos momentos difíceis, mas na alegria de haver atravessado mais essa prova em sua vida.Quando sair de um longo tratamento de saúde, não pense no sofrimento que foi necessário enfrentar, mas na benção de Deus que permitiu a cura.Leve na sua memória, para o resto da vida, as coisas boas que surgiram nas dificuldades. Elas serão uma prova de sua capacidade, e lhe darão confiança diante de qualquer obstáculo.Há dois tipos de sabedoria: a inferior e a superior.A sabedoria inferior é dada pelo quanto uma pessoa sabe e a superior é dada pelo quanto ela tem consciência de que não sabe.Tenha a sabedoria superior. Seja um eterno aprendiz na escola da vida.A sabedoria superior tolera, a inferior julga; a superior alivia, a inferior culpa; a superior perdoa, a inferior condena.Tem coisas que o coração só fala para quem sabe escutar!”

“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional.
Assista ao Programa de TV Espaço Algharve acessando o site:
www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 11/11/11

“ Não existem momentos comuns” – Dan Millman

Cada momento é único e tem sempre algo diferente acontecendo. Você consegue perceber isso?
Você notou como está o céu hoje? Ele está azul celeste ou repleto de nuvens?
Viver o dia de hoje é uma das coisas mais difíceis de serem feitas, estar consciente deste momento então é quase impossível.
Isso acontece porque simplesmente não prestamos atenção ao que está acontecendo dentro de nós.
Enquanto você lê este artigo quantos pensamentos já lhe passaram pela cabeça? Você está realmente lendo o artigo ou sua mente está dividida, uma parte lê enquanto a outra pensa nas inúmeras coisas a serem feitas no dia de hoje?
Quando estamos conscientes deste momento é possível perceber que tem sempre algo acontecendo. Nada está estático. Tudo é sempre novo.
Você reparou nos sons à sua volta?
Para um pouco, respire, sinta o seu coração, tome consciência deste momento.
A vida ganhará uma nova perspectiva e provavelmente encontrará as respostas que você procura.
Mas lembre-se: quando achar que sabe todas as respostas, mudarão as perguntas... e viver o presente é a única maneira de encontrar as novas respostas.


“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa de TV Espaço Algharve acessando o site: www.thatianatondato.com.br


Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 04/11/11

“Qual é a única coisa que uma árvore pode fazer? É crescer!” – Um Amigo Universal

Uma árvore não fica pensando se vai crescer ou não. Ela simplesmente cresce!
Conosco acontece o contrário, não queremos crescer. Quando adolescentes, desejamos assim permanecer, pois temos a noção de que os adultos são muito complicados. Quando maduros, envelhecer... nem pensar!
Idéias sobre a etapa seguinte passam a todo instante pelas nossas mentes e gostaríamos, a todo custo, reverter o processo de envelhecimento.
Pensamos demais, sentimos de menos.
Deixamos o momento passar e depois queremos o tempo de volta.
Mas temos o poder de escolha e porque não seguirmos o exemplo da árvore?
Ela simplesmente cresce!

Um dia ouvi li no livro “As mais belas parábolas de todos os tempos” a seguinte história:

” Tempos atrás, eu era vizinho de um médico, cujo "hobby" era plantar árvores no enorme quintal de sua casa. Às vezes, observava da minha janela o seu esforço para plantar árvores e mais árvores, todos os dias. O que mais chamava a atenção, entretanto, era o fato de que ele jamais regava as mudas que plantava.Passei a notar, depois de algum tempo, que suas árvores estavam demorando muito para crescer. Certo dia, resolvi então aproximar-me do médico e perguntei se ele não tinha receio de que as árvores não crescessem, pois percebia que ele nunca as regava.Foi quando, com um ar orgulhoso, ele me descreveu sua fantástica teoria.Disse-me que, se regasse suas plantas, as raízes se acomodariam na superfície e ficariam sempre esperando pela água mais fácil, vinda de cima.Como ele não as regava, as árvores demorariam mais para crescer, mas suas raízes tenderiam a migrar para o fundo, em busca da água e das várias fontes nutrientes encontradas nas camadas mais inferiores do solo. Assim, segundo ele, as árvores teriam raízes profundas e seriam mais resistentes às intempéries. Disse-me ainda, que freqüentemente dava uma palmadinha nas suas árvores, com um jornal enrolado, e que fazia isso para que se mantivessem sempre acordadas e atentas. Essa foi a única conversa que tive com aquele meu vizinho.Logo depois, fui morar em outro país, e nunca mais o encontrei. Vários anos depois, ao retornar do exterior fui dar uma olhada na minha antiga residência.Ao aproximar-me, notei um bosque que não havia antes. Meu antigo vizinho, havia realizado seu sonho! O curioso é que aquele era um dia de um vento muito forte e gelado, em que as árvores da rua estavam arqueadas, como se não estivessem resistindo ao rigor do inverno. Entretanto, ao aproximar-me do quintal do médico, notei como estavam sólidas as suas árvores: praticamente não se moviam, resistindo implacavelmente àquela ventania toda.As adversidades pela qual aquelas árvores tinham passado, levando palmadelas e tendo sido privadas de água, pareciam tê-las beneficiado de um modo que o conforto o tratamento mais fácil jamais conseguiriam.Todas as noites, antes de ir me deitar, dou sempre uma olhada em meus filhos.Debruço-me sobre suas camas e observo como têm crescido.Freqüentemente, oro por eles. Na maioria das vezes, peço para que suas vidas sejam fáceis:"Meu Deus, livre meus filhos de todas as dificuldades e agressões desse mundo".Tenho pensado, entretanto, que é hora de alterar minhas orações. Essa mudança tem a ver com o fato de que é inevitável que os ventos gelados e fortes nos atinjam e aos nossos filhos. Sei que eles encontrarão inúmeros problemas e que, portanto, minhas orações para que as dificuldades não ocorram, têm sido ingênuas demais.Sempre haverá uma tempestade, ocorrendo em algum lugar. Portanto, pretendo mudar minhas orações. Ao contrário do que tenho feito, passarei a orar para que meus filhos cresçam com raízes profundas, de tal forma que possam retirar energia das melhores fontes, das mais divinas, que se encontram nos locais mais remotos.Oramos demais para termos facilidades, mas na verdade o que precisamos fazer é pedir para desenvolver raízes fortes e profundas, de tal modo que quando as tempestades chegarem e os ventos gelados soprarem resistamos bravamente, ao invés de sermos simplesmente varridos para longe”

Nem sempre é fácil criar raízes profundas, mas assim como acontece com as árvores, não temos outro caminho a não ser crescer!

Que seu dia seja muito iluminado.

“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional

Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português -Toronto - Canadá - 28/10/11

“ Nós somos o que repetidamente fazemos. Excelência, portanto, não é um ato, mas um hábito” Aristóteles.

Aristóteles viveu na Grécia entre 384 A.C e 322 A.C, foi um filósofo grego, aluno de Platão e professor de Alexandre , o Grande. O interessante é que naquela época ele já sabia sobre a relação dos hábitos e das ações.
Stephen Covey, autor do livro “ Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes” começa o seu livro dizendo:
“O mundo mudou drasticamente depois da primeira edição do livro, em 1989. A vida está mais complexa, mais estressante e exige mais de nós. Fizemos a transição da Era Industrial para a Era do Conhecimento, com todas as suas profundas conseqüências. Enfrentamos desafios e problemas na vida pessoal, na família e nas empresas onde trabalhamos, inimagináveis há uma ou duas décadas. Esses desafios não são apenas de uma nova ordem de magnitude; eles são de um tipo completamente diferente”
As grandes transformações trazem sempre várias oportunidades, mas às vezes temos que nos centrar para encontrar soluções mais satisfatórias e assim nos adaptar ao novo ambiente.
Recente fiz uma palestra falando sobre a importância do pensamento na criação das nossas experiências e em um dado momento perguntei aos presentes se eles já tinham ouvido sobre esse assunto e como somos governados pelos pensamentos.
E a resposta foi que alguns nunca tinham ouvido falar sobre aquilo e nem tinham ideia como isso acontecia.
Depois de ler esse artigo, talvez algumas situações ganharam um novo significado.
Então para começar: preste atenção nos seus sentimentos. Eles desencadeiam os pensamentos. Os pensamentos criam as palavras e estas geram as ações. O conjunto de ações formam os hábitos. Os hábitos criam nosso caráter e tudo isso junto forma o nosso destino.
Por isso além de prestar atenção aos nossos sentimentos podemos também protegê-los e acima de tudo é possível alterar o que sentimos.
Alterando o sentimento, mudamos as palavras, por conseguinte geramos novas ações que modificarão os nossos hábitos, nosso caráter e por fim o nosso destino.
Aristóteles era um filósofo e quando temos contato com grandes pensadores, se permitirmos jamais seremos os mesmos. Por isso lembre-se: “ Execelência não é um ato, mas um hábito”
" Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site: www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 21/10/11

“ Um diamante terá menos valor só por estar coberto de lama?” Paramahansa Yogananda

Na nossa caminhada às vezes acabamos tropeçando, caímos e até ficamos cobertos de lama...
Em alguns momentos não queremos levantar. Entretanto não há outro jeito...temos que erguer a cabeça, respirar fundo, sacudir a poeira e estarmos prontos para o que vem a seguir.
Claro que nem sempre eliminaremos toda a sujeira na primeira batida de mão, mas isso não é motivo para desanimar.
E se você encontrasse um diamante coberto de lama, você o recusaria por estar assim? Provavelmente não.
Então porque recusamos a nós mesmos por estarmos com um arranhão aqui outro ali e repletos de lama?
O que acontece é que criamos algumas situações e nos recusamos a ver a vida sob um novo prisma.
Outras vezes ficamos tão magoados e receosos esquecendo o ser único que somos e das infinitas possibilidades de aprender, perdoar, inovar, renascer, criar harmonia, equilíbrio...enfim temos o poder de fazer o que quisermos.
Saiba que somos como um diamante que nunca perderá o brilho só porque está um pouco opaco pelo barro.
Que tal começar hoje a polir um belo diamante?
“Paz e Luz”


Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas –
pelo site www.thatianatondato.com.br


Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 14/10/11


sábado, 8 de outubro de 2011

“ Fracasso é a incapacidade do homem em atingir seus objetivos na vida, sejam eles quais forem” – Og Mandino

Nessa semana decidi correr 5 km em uma prova de rua em São Paulo.
A saída e chegada eram no mesmo lugar: Estádio do Pacaembu.
Para muitos, talvez 5 km não represente uma distância assim tão grande, entretanto para mim foi um enorme desafio principalmente porque não gosto de correr. Esse talvez fosse o maior bloqueio.
Mas a vida me apresentou esse momento e lá fui eu quase sem treinamento enfrentar essa distância.
Foi dada a largada... no começo estava tranqüilo até ouvir o meu marido comentando: “ já completamos o primeiro quilômetro” !
“Não pode ser só isso” pensei.
Respirei fundo e continuei correndo.
Ultrapassando a minha expectativa, percorri bem a primeira metade do circuito, até começar uma subida para poder voltar. Nesse momento acabei com o meu fôlego e ainda tinha o retorno para completar os 5 km.
Comecei a sentir dor no meu pé...não é possível, pensei, porém continuei correndo. Mas a dor não passava.
Fechei os olhos, visualizei exatamente o ponto onde estava doendo e mentalmente vi a dor sumindo. Foi exatamente isso o que aconteceu: de repente o pé não doía mais.
Mas eu estava ofegante e ainda faltavam 2,5 km.
Então o único jeito foi colocar a mente para trabalhar a meu favor e dizia: “cheguei até aqui, consigo chegar até um pouco mais”. Repeti isso inúmeras vezes.
A frase de Lance Armstrong também me ajudou : “A dor é temporária. Ela pode durar um minuto, ou uma hora, ou um dia, ou um ano, mas finalmente ela acabará e alguma outra coisa tomará o seu lugar. Se eu paro, no entanto, ela dura para sempre”
Mas o que realmente me impediu de desistir foi o meu marido, ficando ao meu lado o tempo todo e perguntando se eu estava bem.
Finalmente ao longe avistei o Estádio do Pacaembu e indo além do meu limite, estipulei a meta de não desistir e pelo menos chegaria correndo até a entrada do estádio. Foi exatamente isso o que aconteceu.
Quando cheguei bati a mão três vezes na pilastra e brinquei: um, dois, três, Thatiana.
Nesse momento meu marido começou a rir e eu já tinha chegado ao fim das minhas forças correndo, mas ainda faltava atravessar o portal e finalizar os 5 km. Esse 100 metros foram muito interessantes, porque eu estava exausta, entretanto passei pelo portal confiante porque tinha conseguido alcançar a meta que me propus completar: Chegar ao Estádio.
Talvez se tivesse focado em passar o portal correndo, isso tivesse acontecido. De qualquer forma completei a prova e consegui o mais importante: quebrar o bloqueio de que não gosto de correr.
Senti-me muito bem por terminar.
Já estou procurando quando será a próxima corrida de rua , porém agora tenho um outro objetivo: estar mais preparada fisicamente para esse novo desafio.
Não importa o tamanho do seu objetivo e quanto tempo você levará para atingi-lo. Lembre-se que “ fracasso é a incapacidade do homem em atingir seus objetivos na vida, sejam eles quais forem” e tenho certeza que se você determinar , irá alcançar seus objetivos e até mesmo ultrapassá-los.
Confie em você!

“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional

Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site www.thatianatondato.com.br


Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 07/10/2011

“ Não mostre a espada a alguém que veio lhe pedir perdão” – Machado de Assis

É certo que estamos vivendo épocas de grandes mudanças em todas as áreas da nossa vida. Sentimos as transformações no clima, nas finanças, na saúde e nos valores morais que determinam o desenvolvimento de uma nação.
A cada dia encontramos mais jovens com problemas de saúde que antes atingiam apenas as pessoas mais velhas.
As preocupações tomam conta do pensamento e por vezes esquecemos do equilíbrio, algo tão necessário para encontrar soluções.
Algumas pessoas tentam dialogar, enquanto outras só querem alimentar discussão.
Esse é um dos paradoxos da atualidade.
Apesar das mudanças assustarem um pouco elas trazem também a semente do novo.
Podemos nos sintonizar com os bons sentimentos, pensamentos e aproveitarmos para nos desprender de velhos hábitos.
Algumas pessoas podem até aproveitar esse momento, se renovar interiormente e resolver pedir perdão.
Se alguma pessoa chegar e lhe pedir perdão, não mostre-lhe a espada. Apenas ouça o que ela tem para lhe dizer. Tente compreender que isso é um grande passo para vocês.
Ao pedir perdão e darmos o perdão, nos libertamos e com certeza seguimos a vida mais leves.
E quem sabe aqueles projetos e sonhos emperrados encontram caminhos para se concretizarem.

“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional

Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site www.thatianatondato.com.br .

Jornal - Sol Português - Toront0 - Canadá - 30/09/11

"Sou do tamanho daquilo que vejo e não do tamanho da minha altura" - Carlos Drummond de Andrade

A nossa visão pode chegar aonde desejarmos, nós somos os únicos que temos a capacidade de nos limitar. Podemos criar mundos incríveis em nossa mente, alcançar grandes vôos...depois é só voltar para a terra e construir os alicerces.
Carlos Drummond de Andrade escreveu um lindo poema mostrando em qual direção podemos seguir quando tudo parece sem sentido.
“Não importa aonde você parou...
Em que momento da vida você cansou...
O que importa é que sempre é possível e necessário "Recomeçar".
Recomeçar é dar uma chance a si mesmo...
É renovar as esperanças na vida e o mais importante...
Acreditar em você de novo.
Sofreu muito nesse período?
Foi aprendizado...
Chorou muito?
Foi limpeza da alma...
Ficou com raiva das pessoas?
Foi para perdoá-las um dia...
Sentiu-se só por diversas vezes?
É porque você fechou as portas até para os anjos...
Acreditou que tudo estava perdido?
Era o início da sua melhora...
Pois é...
Agora é hora de reiniciar...
De pensar na luz...
De encontrar prazer nas coisas mais simples de novo...
Que tal um novo emprego?
Um corte de cabelo arrojado...
Diferente?
Um novo curso...
Ou aquele velho desejo de aprender a pintar...
Desenhar...
Dominar o computador...
Ou qualquer outra coisa...
Olha quanto desafio...
Quanta coisa nova nesse mundão de meu Deus, o esperando.
Está se sentindo sozinho?
Besteira...
Tem tanta gente que você afastou com o seu "período de isolamento"...
Tem tanta gente esperando apenas um sorriso seu para "chegar" perto de você.
Quando nos trancamos na tristeza...
Nem nós mesmos nos suportamos...
Ficamos horríveis...
O mal humor vai comendo nosso fígado...
Até a boca fica amarga!
Recomeçar...
Hoje é um bom dia para começar novos desafios.
Onde você quer chegar?
Ir alto...
Sonhe alto...
Queira o melhor do melhor...
Queira coisas boas para a vida...
Pensando assim trazemos para nós aquilo que desejamos...
Se pensamos pequeno...
Coisas pequenas teremos...
Já se desejarmos fortemente o melhor e, principalmente, lutarmos pelo melhor, o melhor vai se instalar na nossa vida.
E é o hoje o dia da faxina mental...
Joga fora tudo que te prende ao passado...
Ao mundinho de coisas tristes...
Fotos...
Peças de roupa, papel de bala...
Ingressos de cinema, bilhete de viagens...
E toda aquela tranqueira que guardamos quando nos julgamos apaixonados...
Jogue tudo fora...
Mas, principalmente, esvazie seu coração...
Fique pronto para a vida...
Para um novo amor...
Lembre-se: somos apaixonáveis...
Somos sempre capazes de amar muitas e muitas vezes...
Afinal de contas...
Nós somos o Amor.
Sou do tamanho daquilo que vejo e não do tamanho da minha altura".

“Paz e Luz “

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional

Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site www.thatianatondato.com.br


Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 23/09/2011

"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim." Chico Xavier

Todos os dias somos chamados a pensar sobre os nossos caminhos. Por vezes é necessária uma ruptura para entendermos por onde estamos trilhando. Esse momento de ruptura pode acontecer em qualquer área: financeira, pessoal, saúde, relacionamento ou trabalho.
Independente de qual área recebemos a oportunidade de nos reformular, saiba que isso afetará todas as outras. Talvez isso não pareça muito positivo a princípio porque todas as mudanças incomodam um pouco mas com o tempo percebemos que isso era necessário
O importante é saber que apesar de não poder voltar atrás, há sempre a possibilidade de fazer um novo fim.
“Conta-se que um jovem procurou seu professor porque se sentia inútil. Achava-se lerdo, não conseguia fazer nada bem. Desejava saber como poderia melhorar e o que devia fazer para que o valorizassem.
O professor, sem olhá-lo, lhe disse:
- Sinto muito, mas antes de resolver o seu problema preciso resolver o meu próprio. Talvez você possa me ajudar. Tirou um anel que usava no dedo pequeno e entregou-o ao rapaz, recomendando-lhe:
- Vá até o mercado. Necessito vender este anel porque tenho de pagar uma dívida. É preciso que você consiga por ele o máximo, mas não aceite menos do que uma moeda de ouro.
O rapaz pegou o anel e foi oferecê-los aos mercadores. Eles olhavam com algum interesse, mas quando ele dizia o quanto pretendia, desistiam.
Quando ele mencionava uma moeda de ouro, alguns riam, outros saíam sem ao menos olhar para ele. Somente um velhinho muito amável lhe explicou que uma moeda de ouro era muito valiosa para aquele anel.
Abatido pelo fracasso, o rapaz retornou à presença do professor dizendo que o máximo que lhe ofereceram foram duas ou três moedas de prata. Ouro nem pensar!
O dono do anel respondeu que seria importante, então saber o valor exato do anel. Sugeriu que o jovem fosse ao joalheiro para uma correta avaliação.
E fez outra recomendação:
- Não importa o valor que lhe ofereçam, não venda esse anel.
O jovem um tanto desanimado, foi. O joalheiro, depois de examinar com uma lupa a jóia, pesou-a e disse ao rapaz:
- Diga ao seu professor que se ele quiser vendar agora não posso lhe dar mais do que cinquenta e oito moedas de ouro.
O rapaz teve um sobressalto: “cinquenta e oito moedas de ouro?”
- Com o tempo eu poderia oferecer cerca de setenta moedas, Mas se a venda é urgente...
O discípulo recusou a oferta e voltou correndo para dar a boa notícia ao professor, depois de ouvi-lo, o professor falou:
- Sente-se, meu rapaz. Você é como este anel: uma jóia única e valiosa. Como toda jóia preciosa, somente pode ser avaliada por quem entende do assunto. Por acaso você imaginou que qualquer um poderia descobrir o seu verdadeiro valor?
Tomando o anel das mãos do rapaz, tornou a colocá-lo no dedo, completando:
- Todos somos como esta jóia: muito valiosos. No entanto, andamos por todos os mercados da vida pretendendo que pessoas inexperientes nos valorizem. Ninguém pode nos fazer sentir inferior sem o nosso consentimento”
Lembre-se sempre: Não importa o que lhe aconteça, saiba que você é muito valioso e que possui diversas ferramentas à sua disposição para começar e recomeçar quantas vezes quiser e mesmo não podendo voltar atrás, podemos sempre fazer um novo fim.

Paz e Luz”

História tirada do livro de Alexandre Rangel: “As mais belas parábolas de todos os tempos”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional

Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site www.thatianatondato.com.br


Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 16/09/2011

“Obstáculos não têm necessariamente que te parar...

... Se você se deparar com um muro, não dê as costas e desista. Descubra um jeito de escalá-lo, atravessá-lo, ou passar ao redor dele” Michael Jordan

Ultrapassar obstáculos está diretamente relacionado com a vontade e saber o quanto você quer aquilo que você quer.
Quando chega a hora de concretizarmos os sonhos é o momento que talvez tenhamos que nos interiorizar mais . Talvez isso aconteça porque é necessário dar um salto, ultrapassar a inércia ou quebrar algum paradigma para conseguir ir adiante.
Ao chegar nesse ponto sei que se eu não parar para refletir, a vida de algum jeito vai me fazer parar, então antes que isso aconteça sento em um lugar confortável, fecho os olhos, respiro e me pergunto: o que eu tenho que saber? Como faço para seguir adiante nesse caminho? Qual é a próxima etapa? O que eu não estou querendo ver? Depois de fazer as perguntas fico um pouco quieta, presto atenção na respiração e deixo as respostas virem.
Às vezes nada acontece mas logo depois quando estou fazendo alguma outra atividade a resposta aparece.
Esse processo dá inicio a várias outras reflexões. Normalmente tenho que me desprender de algum conceito ou tentar ver a vida de uma outra perspectiva .
Somente quando conseguimos escalar ou dar a volta em um obstáculo percebemos o quanto fomos fortalecidos nesse processo e todo o caminho acaba valendo por suas lições.
Por isso se numa das encruzilhadas você se deparar com um obstáculo, lembre-se que esse pode ser um grande ponto de mutação em sua vida.

"Paz e Luz"

Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional.

Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 09 de setembro de 2011

“ Comece fazendo o que é necessário, depois o que é possível, e de repente você estará fazendo o impossível ” São Francisco de Assis

Todos os dias nos deparamos com algo muito interessante : mesmo que você sempre tenha imaginado que algo era impossível de ser feito, você pode começar hoje a mudar de idéia.
Toda caminhada inicia com a idéia de dar o primeiro passo. Depois é só dar um passo por vez.
Conta-se que o artigo “ Mensagem a Garcia” é um dos mais lidos do mundo sendo uma inspiração àqueles que por vezes sabem o que deve ser feito mas nem sempre tem a coragem de fazê-lo.
O autor, Elbert Hubbar, escreveu o artigo em um dia em que ele tinha procurado convencer alguns moradores do local a terem mais dinamismo. Eis um trecho do artigo:
“Quando irrompeu a guerra entre a Espanha e os Estados Unidos, o que importava aos americanos era comunicar-se, rapidamente, com o chefe dos insurretos - Garcia - que se sabia encontrar-se em uma fortaleza, no interior do sertão cubano, mas sem que se pudesse dizer, exatamente, onde. Era impossível um entendimento com ele pelo correio ou pelo telégrafo. No entanto, o Presidente precisava de sua colaboração, e isso o quanto antes. Que fazer? Alguém lembrou:
"Há um homem chamado Rowan... e se alguma pessoa é capaz de encontrar Garcia, há de ser Rowan”.
Rowan foi trazido à presença do Presidente, que lhe confiou uma carta com a incumbência de entregá-la a Garcia. Rowan tomou a carta, meteu-a num invólucro impermeável, amarrou a ao peito e, após quatro dias, saltou de um barco sem coberta, alta noite, nas costas de Cuba; se embrenhou no sertão para, depois de três semanas, surgir do outro lado da ilha, tendo atravessado a pé um país hostil, e entregue a carta a Garcia”
Quantos de nós teríamos conseguido entregar a carta a Garcia? Alguns teriam dúvida se iriam ou não, outros questionariam se isso era mesmo importante, muitos iriam querer saber exatamente onde Garcia se encontrava e com certeza tantas outras perguntas seriam feitas antes de tomar uma decisão de entregar ou não a carta.
Nem sempre todos os caminhos já foram trilhados, por vezes seremos nós a dar início a um novo rumo, com novas idéias, conceitos e quebra de paradigmas.
É sempre importante lembrar que em pequenas coisas do cotidiano temos a chance de começar a fazer o necessário e como disse São Francisco, se continuarmos podemos fazer o impossível.

“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site www.thatianatondato.com.br


Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 02/09/2011

“ Todas as pessoas são importantes” – Tom Connellan

No dia-a-dia nem sempre é possível visualizar a importância de cada pessoa nesse Planeta. Cada ser é único e não sei o porquê, mas em algum momento da jornada nos esquecemos dessa magnífica verdade.
Criamos desavenças, nos sentimos inseguros e agimos com medo da vida.
Tom Conellam no livro “ Nos bastidores da Disney” escreveu um texto fantástico sobre a importância de cada um no nosso cotidiano.

“Às vxzxs, fico pxnsando qux aquilo qux faço não x importantx, mas xntão
lxmbro-mx dx minha vxlha máquina dx xscrxvxr. A maioria das txclas
gxralmxntx funcionava bxm. Um dia, contudo, uma das txclas parou dx
funcionar, x isso foi um problxma x tanto. Por isso, quando mx sinto
txntado a dixer que não faz difxrxnça sx xu fizxr alguma coisa dirxito ou
não , lxmbro-mx da minha vxlha máquina dx xscrxvxr. X digo para mim
mxsmo: “Sou nxcxssário x as pxssoas nxcxssitam dx mim.”

Espero que talvez essas palavras mostrem o quanto você é valioso.
Quando uma pessoa muda de ponto de vista e amplia a sua visão, todos à sua volta se beneficiam. O mundo fica mais colorido.
Lembrem-se somente quem sente felicidade pode espalhar felicidade.

“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional

Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site www.thatianatondato.com.br

Jornal : Sol Português - Toronto - Canadá - 26/08/2011

“O sofrimento é passageiro, desistir é para sempre” - Lance Armstrong

O esporte tem sempre seus exemplos maravilhosos e Armstrong com certeza é um deles.
Sua paixão pela vida e a determinação permitiram que ele continuasse não apenas a competir como também superar um câncer.
Talvez, saber que o sofrimento é passageiro, mas desistir é para sempre teve um efeito enorme nas escolhas de Armstrong.
Na hora decisiva, naquele momento de ponto de mutação, o que você faz?
As escolhas refletem as nossas experiências e aprendizados. Estar prontos para um direcionamento sensato na vida não é obra do acaso.
As decisões são compostas dos pensamentos e palavras utilizadas por nós diariamente.
Como você vive assim serão as suas escolhas.
Se você pensa que tem sempre gente querente puxar o teu tapete, isso pode gerar uma mágoa ou tristeza e a ação será carregada desses sentimentos.
Porém se pensamentos constantes de que há sempre pessoas dispostas a ajudar pairar em nossas mentes, tornamo-nos mais gentis porque sabemos que a vida corresponderá às nossas expectativas.
Coloque sempre bons pensamentos e escolha sabiamente suas palavras porque nas horas das grandes decisões essa é a matéria-prima à disposição para tomarmos uma decisão e agir.
Pense nisso.

“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional

Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site www.thatianatondato.com.br


Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 19/08/2011

“ A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original” – Albert Einstein

Dizem que são as respostas que movem o mundo ...
Há muitos anos atrás minha alma ansiava por respostas. Retornei de Portugal sem querer voltar e encontrei uma cidade completamente diferente e sem aceitar essa nova condição. Por não aceitar criei inúmeros sofrimentos.
O sofrimento chega quando não aceitamos o momento que estamos vivendo e com isso debilitamos o nosso sistema imunológico.
Um dia, sem saber do poder de transformação que está em nossas mãos disse: “Chega! Não quero mais viver com essa angústia. Eu agora tenho um novo caminho pela frente e não quero mais viver do passado”.
Ao me abrir a essa nova idéia, permiti começar a ver a beleza que me rodeava e nesse momento um novo mundo se descortinou.
As respostas começaram a aparecer, na verdade elas sempre estiveram na minha frente, mas eu não queria enxergar.
Independente do que aconteça entendi que hoje é o dia em que posso criar todas as possibilidades, abençoar, me renovar...
Muitos livros e pessoas trouxeram diferentes visões da vida e cada nova ideia do poder dos pensamentos e da ação positiva ( ter a idéia e colocá-la em prática) faz com que a mente jamais volte ao seu tamanho original.
Ampliar a visão da vida nos permite transpor os limites que nós mesmos nos impomos.
Que a sua mente esteja sempre aberta às novas ideias.

“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional

Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 12 de agostos de 2011

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

"Em cada um de nós há um segredo, uma paisagem interior com planícies invioláveis, vales de silêncio e paraísos secretos" - Saint-Exupéry

Sempre gostei de olhar as estrelas. Nesses momentos me sinto conectada com a imensidão do Universo.
Às vezes pergunto às estrelas qual a melhor decisão a tomar, qual rumo seguir, mas logo lembro-me das palavras de um grande amigo: "todas as respostas estão dentro de vocês".
Exupéry disse que em cada um de nós há um segredo, uma paisagem interior com planícies invioláveis, vales de silêncio e paraísos secretos.
Mas porquê duvidamos das incríveis possibilidades que há em nós, inclusive as respostas para todas as perguntas?
Talvez porque não acreditamos em nós.
Uma das formas de conseguirmos superar essa falta de confiança é se informar a respeito do que queremos fazer e encontrar alguns minutos para aquietar a mente e o coração. Com certeza a resposta aparecerá.
Encontrar a nossa Estrela Guia, aquela indicando-nos a melhor direção a seguir é sempre um sonho... queremos alguém para nos dizer por onde caminhar, o que fazer e o que não fazer.
Os exemplos e conselhos ajudam muito nas horas de grande decisão, mas a escolha final deve sempre ser nossa.
Acalme-se, ouça o seu coração e crie confiança em você.
"Paz e Luz"
Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa Espaço Algharve no site: www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 05 de Agosto de 2011

Um passo de cada vez. Não consigo imaginar nenhuma outra maneira de realizar algo" - Michael Jordan

Nessa semana viajei para Balneário Camboriú, um lugar com praias belíssimas em Santa Catarina no Sul do Brasil.
Adoro andar pela praia e ficar pensando como todos os dias somos surpreendidos pelas maravilhas da vida. O nascer do sol, o barulho das ondas quebrando no mar, o céu azul, uma bela paisagem...
Quando estou em algum lugar com toda essa natureza sempre digo: " meu futuro é tão maravilhoso quanto o meu presente".
Volto para casa renovada e nesse momento refaço a lista dos meus sonhos. Alguns tenho que dar um brilho, outros são descartados e nesse processo mais alguns são criados.
Aproveito para montar a estratégia para tirá-los do papel. Um passo por vez, esse é caminho.
Claro que nessa trilha às vezes o que imaginei não dá certo, mas posso sempre repensar o que quero e saber que às vezes o Universo tem planos melhores para mim e quando me esqueço disso fecho os olhos, imagino aquela linda paisagem e digo: "meu futuro é tão maravilhoso quanto o meu presente".
"Paz e Luz"
Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa Espaço Algharve no site: www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 29 de Julho de 2011

" Todos as adversidades, os problemas e obstáculos que encontrei em minha vida me deram força". - Walt Disney

O império Disney não foi construído do dia para a noite. Disney era um sonhador e sabia como tirar seus sonhos do papel.
No livro de Ginha Nader "Walt Disney - I século de sonho" existe uma citação de Disney muito interessante: "Eu não necessitava de travesseiro ou de uma grande cama com colchão de penas. Não me incomodava aonde tinha de comer...tudo era uma experiência."
Ler histórias sobre as empresas e seus donos é saber que cada conquista vale a pena. Nada acontece por acaso, mas existem muito empenho e determinação por trás de cada realização.
O sofrimento encontra morada em nós somente quando não aceitamos o momento atual, mas se soubermos aproveitar cada situação e deixar tudo ser uma experiência, a vida ficará mais leve.
Desistir é uma palavra que não existe no vocabulário de um empresário. Ele pode até cair, mas sempre encontra uma maneira de se renovar.
E com certeza a renovação é o único caminho para se chegar aos nossos objetivos.
"Paz e Luz
"
Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa Espaço Algharve no site: www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 22 de julho de 2011

"Você é único, extraordinário e verdadeiramente criativo" - Wildferd A. Peterson

Como você se sente ao ler essa frase?
Qual a primeira coisa que vem à sua mente?
Parece simplesmente mais uma frase ou ela realmente faz sentido para você?
Wilferd no livro “A arte do pensamento criativo” mostra de uma maneira muito convincente a importância da memória e a forma como somos únicos:
“ Seu banco de memória tem a largura da sua mente, a profundidade do seu coração e a altura da sua visão. Ele armazena as lembranças da infância, juventude, meia idade e terceira idade – nada se perde. Lá estão as experiências de mares bravios, córregos serenos e picos majestosos.
Você carrega dentro de si um registro de tudo o que leu e ouviu: citações, peças de teatro, bons livros, poemas inspiradores, músicas emocionantes. Tudo está guardado em sua mente.
Você é quem controla as informações a serem inseridas. Seus pensamentos fazem de você o que você é.”
O pensamento é algo muito sutil e por isso podemos não acreditar que eles fazem de nós o que somos, mas a verdade é que atraímos as experiências de acordo com o padrão de pensamento criados por nós.
Reflita um pouco: o que você está pensando nesse exato momento? Você gostaria de vê-lo realizado?
Lembre-se sempre podemos modificar o rumo da nossa vida, alterando os pensamentos e o que realmente queremos armazenar dentro do nosso fantástico banco de memória.
“Paz e Luz”
Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa de TV Espaço Algharve pelo site www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 15 de julho de 2011

"Só as ideias que servem às pessoas realmente sobrevivem" - Wildferd A. Peterson

Wilferd, um dos autores mais inspiradores que li sobre criatividade escreveu em seu livro "A arte do pensamento criativo":
"...O amor é mais que uma dádiva, é um investimento. O amor é uma força poderosa... o amor pelas pessoas e suas necessidades é a verdadeira base das idéias. Só as idéias que servem às pessoas realmente sobrevivem".
Nesta semana da Folha de São Paulo, 03/07/2011, li uma reportagem sobre a dificuldade dos empresários em fidelizar os clientes, e a solução encontrada por alguns foi a de criar estratégias de aproximação.
Algumas empresas optaram por organizar corridas de rua, criar modelos de sapatos desenhados pela própria criança ou até mesmo promover passeios de ciclismo no período noturno, além de investimentos em parcerias.
Ao ler essa reportagem fiquei pensando que Wilferd realmente estava certo quando disse que para as idéias sobreviverem elas têm que servir às pessoas e essa mudança é essencial para criarmos um novo modelo de sociedade.
Quando somos apaixonados pelo que fazemos e gostamos de servir aos outros o retorno é certo, mas o principal é aproveitar todo esse caminho que se permitirmos será sempre repleto de alegria, desafios, conquistas e muitas amizades.
Lembre-se sempre disso.
"Paz e Luz"
Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa Espaço Algharve no site: www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 08 de Julho de 2011

"Um caminho bonito nunca é longo" - Ditado de Provence

Nestes últimos anos tenho conversado com inúmeros empresários e uma das características das empresas de sucesso é o dono gostar do que faz e estar sempre pronto para a inovação, em todos os sentidos.
Saber administrar é essencial, porém no momento em que se perde o entusiasmo de ir para a empresa a situação fica delicada.
Não se pode ensinar o entusiasmo. Então por onde começar?
O que se deve ter em mente é: mais do que se chegar ao resultado almejado é o caminho percorrido que deve ser avaliado.
Quando uma empresa passa por uma reestruturação costumo dizer ao empresário: " Sua empresa irá se recuperar e voltar a ficar saudável e você? Como você estará quando isso acontecer?
Você também estará saudável ou o desespero irá minar suas forças e desanimá-lo?
Todo o caminho de recuperação ou inovação dentro da empresa deve ser gostoso e por isso independente do tamanho do caminho se ele for bonito com certeza valerá a pena.
"Paz e Luz"
Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa Espaço Algharve no site: www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 01 de Julho de 2011

" O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas sim na intensidade com que acontecem" Fernando Pessoa

Fernando Pessoa soube colocar muito bem em palavras o que significa viver o dia de hoje.
É importante sonhar, planejar, determinar metas a curto, médio e longo prazo, mas tudo isso perde o significado se deixarmos de aproveitar as bênçãos que a vida prepara todos os dias para nós.
Conta-se que "há muito tempo, em uma terra muito distante, havia um jovem rapaz, filho de um rico mercador, que buscava obstinadamente o segredo da felicidade.
Já havia viajado por muitos reinos, falado com muitos sábios, sem, no entanto, desvendar tal questão.
Um dia, após longa viagem pelo deserto, chegou a um belo castelo no alto de uma montanha.
Lá vivia um sábio, que o rapaz ansiava conhecer.
Ao entrar em uma sala, viu uma actividade intensa. Mercadores entravam e saíam, pessoas conversavam pelos cantos, uma pequena orquestra tocava melodias suaves.
De longe avistou o sábio conversando calmamente com todos os que o buscavam.
O jovem esperou duas horas até chegar a sua vez de ser atendido.
O sábio ouviu-o com atenção, mas lhe disse com serenidade que naquele momento não poderia explicar-lhe qual era o segredo da felicidade.
Sugeriu que o rapaz desse um passeio pelo palácio e voltasse dali a duas horas.
- Entretanto, quero pedir-lhe um favor. – completou o sábio, entregando-lhe uma colher de chá, na qual pingou duas gotas de óleo.
- Enquanto estiver caminhando, carregue essa colher sem deixar o óleo derramar.
O rapaz pôs-se a subir e a descer as escadarias do palácio, mantendo sempre os olhos fixos na colher.
Ao fim de duas horas, retornou à presença do sábio.
- E então? – perguntou o sábio – você viu as tapeçarias da pérsia que estão na sala de jantar? Viu o jardim que levou dez anos para ser cultivado? Reparou nos belos pergaminhos de minha biblioteca?
O rapaz, envergonhado, confessou não ter visto nada.
Sua única preocupação havia sido não derramar as gotas de óleo que o sábio lhe havia confiado.
- Pois então volte e tente perceber as belezas que adornam minha casa. – disse-lhe o sábio.
Já mais tranquilo, o rapaz pegou a colher com as duas gotas de óleo e voltou a percorrer o palácio, dessa vez reparando em todas as obras de arte.
Viu os jardins, as montanhas ao redor, a delicadeza das flores, atentando a todos os detalhes possíveis.
De volta à presença do sábio, relatou pormenorizadamente tudo o que vira.
- E onde estão as duas gotas de óleo que lhe confiei? – perguntou o sábio.
Olhando para a colher, o rapaz percebeu que as havia derramado.
- Pois este, meu rapaz, é o único conselho que tenho para lhe dar: – disse o sábio – o segredo da felicidade está em saber admirar as maravilhas do mundo, sem nunca esquecer das duas gotas de óleo na colher."
Viva intensamente, esse é o melhor conselho e como disse Fernando Pessoa: " O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas sim na intensidade com que acontecem...por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis".
"Paz e Luz"
Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa Espaço Algharve no site: http://www.thatianatondato.com.br/

Jornal - Sol Portugês - Toronto - Canadá - 24 de junho de 2011

" Meu coração é Luso Brasileiro"

Portugal entrou no meu coração em 1988, quando cheguei a Trás-os-Montes, à terra das alheiras. Lá conheci pessoas maravilhosas que me fizeram apaixonar pela Terrinha. Naquela época, da minha cidade ao Porto eram quatro horas de pura aventura e muitas curvas.
Alguns anos depois morei numa região linda, Algarve.
Depois as oportunidades da vida me trouxeram de volta a São Paulo.
Quando voltei percebi que o meu coração era Luso Brasileiro e depois de tantos anos isso nunca mudou.
Você se lembra da música Conquistador do grupo Da Vinci que fez sucesso no Festival Eurovisão da Canção de 1989? O refrão era assim: "Já fui ao Brasil, Praia e Bissau, Goa e Macau, ai fui até Timor, já fui um Conquistador!
Nesta semana ao ler que 41% da população portuguesa não votou, fiquei pensando onde está o espírito português dos conquistadores?
Aqueles que descobriram o meu país e pelo Tratado de Tordesilhas ficaram com ele?
Onde está a iniciativa da Escola de Sagres?
Quando deixamos de lado o entusiasmo pelo novo, mesmo que envolva muitas mudanças, como dissipar o desânimo?
Sei que ficamos escolados em tentativas de melhoras que fracassam, mas temos sempre dois caminhos, ou nos deixamos levar pelo desânimo ou buscamos dentro de nós motivos para seguir em frente com entusiasmo.
As escolhas de seguir a diante ou desanimar estão sempre à nossa disposição. Pare um pouco, pense e saiba que uma jornada começa com a idéia de se dar o primeiro passo e em seguida dar esse passo.
"Paz e Luz"
Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa Espaço Algharve no site: www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português- Toronto - Canadá - 17 de Junho de 2011


"Obstáculos são aquelas coisas que você vê quando seus olhos se desviam de suas metas" – Henry Ford

Os sonhos nos impulsionam e as metas tiram esses sonhos do papel.
As metas devem ser de curto, médio e longo prazo e seria muito interessante nos parabenizarmos em cada conquista.
Mas às vezes desanimamos porque nem sempre tudo acontece no nosso tempo e os obstáculos nesse momento surgem.
Os obstáculos podem se tornam tão grandes e tão assustadores, que podemos nos perder e não achar mais o rumo para as metas almejadas.
Você sabe quando os obstáculos aparecem? Eles surgem quando deixamos o medo de fracassar e a dúvida reinar e não pode haver certeza onde essas feras habitam.
Por isso é interessante saber aonde se quer chegar, ter claro os objetivos e aproveitar todo o processo de realizar as suas metas.
Afinal como diz um ditado de Provença: "um caminho bonito nunca é longo"
"Paz e Luz"
Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista o Programa Espaço Algharve no site: www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 10 de Junho de 2011

sexta-feira, 10 de junho de 2011

Eu errei mais de 9.000 arremessos na minha carreira" - Michael Jordan

Quando Michael Jordan diz que errou 9.000 arremessos é algo para se ouvir e prestar atenção. E ele continua: "Perdi quase 300 jogos. Em 26 vezes, confiaram em mim para fazer a cesta da vitória, e eu errei. Falhei uma vez, de novo, e outra vez na minha vida. E é por isso que obtive sucesso".
Alcançar a excelência é um caminho, não existe mágica. Requer muito treino, paciência, não perder seus objetivos de vista e buscar se motivar em cada situação adversa.
Às vezes vamos ganhar e outras vezes perder. Nem sempre as nossas estratégias trarão as melhores conseqüências mas independente do resultado vou lhe fazer uma pergunta: como você reage quando a situação não acontece como você planejou?
Você fica sempre com raiva, mas não vai além disso?
Apesar das inúmeras vezes que Michael Jornal falhou, o seu sucesso é admirável, para citar apenas um número, ele é o terceiro maior cestinha da história da NBA com 32.277 pontos.
A vida sempre nos dá escolhas e em cada uma delas um novo leque de opções se apresentam e assim sucessivamente. Por isso o que somos hoje é um reflexo das escolhas feitas por nós.
O interessante de tudo isso é que a qualquer momento podemos alterar as escolhas e novos caminhos se descortinarão.
Podemos fazer as nossas opções por hábito, mas pare um pouco, pense, reflita e quando decidir tenha a certeza que o caminho escolhido é o melhor.

"Paz e Luz"

Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista o Programa Espaço Algharve no site:
www.thatianatondato.com.br

Jornal - Sol Português - Toronto - Canadá - 03/06/2011

"Minha filosofia de vida é que você nunca vai se sair muito mal em dizer sim" - Richard Branson

Adoro passear em livrarias e nesse fim de semana estive na Livraria Cultura, uma grande livraria em São Paulo. Além de ver as novidades é sempre possível tomar um café com um delicioso bolo de cenoura enquanto decido qual livro comprar.
No meio de tantos títulos fui atraída por um pequeno livro na seção de negócios. Na capa havia um homem sorrindo, Richard Branson, dono da marca Virgin. Virei algumas página e me detive na frase: "diga sempre sim à vida".
Richard Branson conta o início sua vida de empresário aos 16 anos com o jornal: Student, como acabou competindo de barco e voando de balão.
Mas fiquei mesmo fascinada com a frase: "diga sempre sim à vida" porque a minha avó fala exatamente a mesma coisa. Sempre que chego com uma dúvida para ela aconselha: "Agarre o que a vida te mandar e depois você escolhe".
Aos 94 anos minha avó continua sendo uma grande inspiração, aos 40 anos ela iniciou o que se tornaria a sua paixão: lecionar piano e ela leciona até hoje!
Às vezes chego em sua casa para tomar um chá e ela diz: " Ha! Hoje o dia foi muito curto, não deu nem tempo para ler o jornal".
Não sabemos ao certo aonde a vida vai nos levar, mas ao receber uma oportunidade sempre me lembro desse sábio conselho: "Diga sim à vida e depois você decide o que realmente quer fazer."

"Paz e Luz"

Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista o Programa Espaço Algharve no site:
www.thatianatondato.com.br

Jornal - Sol Português - Toronto - Canadá - 27/05/2011

"O insucesso é apenas uma oportunidade para recomeçar de novo com mais inteligência" Henry Ford

Constantemente somos chamados a repensar o mundo à nossa volta, mas por vezes algo muito particular acontece e a nossa vida fica de cabeça para baixo.
Nessas horas não sabemos muito bem o que fazer para voltar ao equilíbrio, mas segundo Robert Kyiosaki, "às vezes é necessário uma tonelada de educação para mudar um grama de percepção", isso significa que para voltar ao equilíbrio é necessário nos abrir para novas idéias e deixar a intuição nos guiar em busca da informação certa.
Podemos ter vontade de ler ou reler um livro, assistir um filme ou conversar com um amigo.
A intuição não é um produto da razão, é uma percepção que se tem em certos momentos e circunstâncias de determinado assunto ou situação e quanto mais urgente a situação, mais alto e rápido falará a intuição apontando a verdadeira solução.
Seja lá qual for o seu "insight", se você prestar atenção, com certeza esse é um passo importante para acertar o rumo e recomeçar de uma nova forma.
Sempre é tempo de alterar os caminhos e as mudanças começam quando desejamos que elas aconteçam.
Se algo aconteceu e você está se sentindo sem saber por onde caminhar, não se preocupe, apenas pare um pouco e observe, pois a vida também trás as respostas para voltarmos ao equilíbrio e nos renovarmos
"Paz e Luz"

Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista o Programa Espaço Algharve no site: www.thatianatondato.com.br

Jornal - Sol Português - Toronto - Canadá - 20/05/2011

"Líder: Aquele que faz com que as coisas sejam feitas sem ter que pedir!" - Amigo Universal

Liderança é um tema muito atraente e existem inúmeras frases sobre o tema, mas "Líder: aquele que faz com que as coisas sejam feitas sem ter que pedir" é uma das mais belas que encontrei. Inclusive, me encantei pela forma como o autor se apresentou... Amigo Universal.
Recentemente li alguns livros sobre liderança e poderia resumir em apenas uma palavra a sua essência: respeito.
Respeito na sua forma mais simples: gentileza e educação.
Coloquei abaixo algumas dicas do livro "Creating Magic", de Lee Cockerell, que demonstram como colocar em prática a liderança.
Dentro de uma organização, além das pessoas saberem quais as suas responsabilidades e o que é esperado de um bom desempenho, também é essencial a pessoa sentir-se importante. As pessoas necessitam de um propósito e não apenas um emprego.
Se você almeja ser um bom líder independente da sua posição na empresa, dê a todos o seu respeito.
Quando alguém falar com você, seja atencioso e realmente escute-a.
Crie um ambiente onde todos se sintam especiais e esteja sempre disponível.
Pergunte-se frequentemente o que você tem feito para mostrar que todos são importantes e que você sabe disso.
Dê a todos os funcionários informações e recursos para aprender o que eles necessitam saber e as habilidades que eles necessitam adquirir para desenvolver seu trabalho e o principal... trate os funcionários como você gostaria que os seus clientes fossem tratados.
Essas são apenas algumas dicas mas repletas de sabedoria.
Como anda a sua liderança?

"Paz e Luz"

Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista o Programa Espaço Algharve no site: www.thatianatondato.com.br


Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 13/05/2011

"Mãe: a palavra mais bela pronunciada pelo ser humano" - Kahil Gibran

Nessa semana comemoramos o dia das mães e escolhi um texto muito especial para homenageá-las. O autor não estava identificado mas ele provavelmente tem uma mãe que o ama muito. O nome do texto é: "Mães Más".
"Um dia, quando os meus filhos forem crescidos o suficiente para entenderem a lógica que motiva os pais e as mães, eu hei de dizer-lhes:
Eu os amei o suficiente para ter perguntado: onde vão, com quem vão e a que horas regressarão.
Eu os amei o suficiente para não ter ficado em silêncio, e fazer com que eles soubessem que aquele novo amigo não era boa companhia.
Eu os amei o suficiente para fazê-los pagar pelas balas que tiraram da mercearia, ou revistas do jornaleiro, e os fazer dizer ao dono: "Nós pegamos isto ontem e queríamos pagar".
Eu os amei o suficiente para ter ficado em pé duas horas junto deles, enquanto limpavam o quarto: tarefa que eu teria feito em 15 minutos.
Eu os amei o suficiente para deixá-los ver além do amor que eu sentia por eles, o desapontamento e também as lágrimas nos meus olhos.
Eu os amei o suficiente para deixá-los assumir a responsabilidade das suas ações, mesmo quando as penalidades eram tão duras que me partiam o coração.
Mais do que tudo, eu os amei o suficiente para dizer-lhes NÃO, quando eu sabia que poderiam me odiar por isso – e em alguns momentos até me odiaram.
Essas eram as mais difíceis batalhas de todas.
Estou contente, venci... porque no final eles venceram também!
E qualquer dia, quando meus netos forem crescidos o suficiente para entenderem a lógica que motiva os pais e as mães, meus filhos vão lhes dizer, quando eles lhes perguntarem se a sua mãe era má: "Sim... Nossa mãe era má! Era a mãe mais má do mundo..."
As outras crianças comiam doces no café da manhã, e nós tínhamos de comer cereais, leite e pães e frutas.
As outras crianças bebiam refrigerantes, comiam batatas fritas e sorvete no almoço, e nós tínhamos que comer arroz, feijão, carne, legumes e frutas.
E ela obrigava-nos a jantar à mesa, bem diferente das outras mães, que deixavam os filhos comerem vendo televisão.
Ela insistia em saber onde nós estávamos a toda hora – tocava nosso celular de madrugada.
Era quase uma prisão; mamãe tinha que saber quem eram os nossos amigos e o que eles faziam.
Insistia que lhe disséssemos com quem íamos sair, mesmo que demorasse só uma hora ou até menos.
Nós tínhamos vergonha de admitir, mas ela violou as leis de trabalho infantil.
Nós tínhamos que tirar a louça da mesa, arrumar nossas bagunças, esvaziar o lixo e todo o tipo de trabalhos que achávamos cruéis.
Eu acho que ela dormia à noite, pensando em coisas para nos mandar fazer.
Ela insistia sempre conosco para lhe dizermos a verdade, e apenas a verdade.
E quando éramos adolescentes, ela até conseguia ler nossos pensamentos.
A nossa vida era mesmo chata.
Ela não deixava os nossos amigos tocarem a buzina para que nós saíssemos.
Tinham que subir, bater à porta para ela os conhecer.
Enquanto todos podiam voltar à noite com 12, 13 anos, nós tivemos de esperar pelos 16 para chegar mais tarde, e aquela "chata" levantava para saber se a festa foi boa – só para ver como estávamos ao voltar.
Por causa de mãe, nós perdemos algumas experiências da adolescência.
Nenhum de nós esteve envolvido com drogas, em roubos, atos de vandalismo, violação de propriedade, nem fomos presos por nenhum crime.
Foi tudo por causa dela.
Agora que já somos adultos, honestos e educados, estamos fazendo o nosso melhor para sermos "Pais Maus", tal como a nossa mãe foi.
Eu acho que é um dos males do mundo de hoje: não há suficientes MÃES MÁS."
Desejo um Feliz Dia das Mães!
"Paz e Luz"

Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista o Programa Espaço Algharve no site: wwwthatianatondato.com.br


Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 03/05/2011

O verdadeiro homem mede a sua força quando se defronta com o obstáculo." Antoine de Saint-Exupéry

Há muitos anos atrás comecei a trabalhar como Consultora, e a verdade é que ninguém busca uma consultoria se não quiser fazer mudanças.
Normalmente, as pessoas buscam mudanças por dois motivos: porque querem ou porque necessitam; e, a maior, se enquadra na segunda opção: a necessidade; e, nesse caso, a parte financeira está sempre envolvida.
Mudar nem sempre é fácil porque não temos medo do desconhecido mas sim medo de perder o conhecido.
Quando as dificuldades envolvem as finanças, as coisas complicam um pouco e isso gera uma insegurança, principalmente nos homens que sempre foram educados para manter a casa.
As dificuldades financeiras são apenas a "cereja do bolo". Elas surgem porque a vida está pedindo para alterarmos o rumo dos nossos pensamentos, o jeito como lidamos com a vida, como tratamos as pessoas à nossa volta e isso inclui a família, amigos, clientes, fornecedores e funcionários.
Mas, com tantas mudanças, a persistência é necessária. Percebi que é importante as pessoas estarem motivadas.
Quando as pessoas estão bem, tudo na vida flui. E porque isso acontece? Porque passam a focar na solução e não mais nos problemas.
Ao nos agarrarmos aos problemas, os problemas também se agarram em nós e acabamos perdendo um pouco aquele entusiasmo inicial.
Como anda a sua paixão, o seu entusiasmo? Os anos levaram embora?
Um bom jeito para recomeçar é contar as bênçãos que estão à sua volta: Você pode ouvir o canto dos pássaros, ver o sorriso de uma criança, tocar as folhas das árvores?
Você pode ir aonde quiser, você pode sonhar?
Todos os dias podemos acordar sorrindo ou chorando, abençoando ou maldizendo e essa escolha determina como será o nosso caminho independente das pedras encontradas.
Afinal, como disse Saint-Exupéry: "O verdadeiro homem mede a sua força quando se defronta com o obstáculo".

"Paz e Luz"

Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista o Programa Espaço Algharve no site: www.thatianatondato.com.br


Jornal - Sol Português - Toronto - Canadá - 24/04/2011



segunda-feira, 25 de abril de 2011

"O êxito na vida não se mede pelo que você conquistou, mas sim pelas dificuldades que superou no caminho." Abraham Lincoln

Uma das grandes dificuldades a superar é ultrapassar os limites que nós mesmo nos impomos. Talvez os homens fizessem coisas maiores se não julgassem tantas coisas impossíveis.
Nem sempre é fácil saber como e quando nos limitamos. Mas se não nos sentimos satisfeitos, talvez isso seja mais um sentimento do que falta de alguma coisa material.
Isto significa não apenas buscar ampliar a parte material mas também saber que aquilo que você faz é importante.
Conta-se que certa vez «um jovem procurou seu professor porque se sentia inútil. Não conseguia fazer nada bem. Desejava saber como poderia melhorar e o que devia fazer para que o valorizassem.
O professor sem olhá-lo disse:
"- Sinto muito, mas antes de resolver o seu problema, preciso resolver o meu próprio. Talvez você possa me ajudar." Tirou um anel que usava no dedo e entregou-o ao rapaz, recomendando-lhe:
"-Vá até o mercado. Preciso vender esse anel porque tenho de pagar uma dívida. É preciso que você consiga por ele o máximo, mas não aceite menos do que uma moeda de ouro."
O rapaz pegou o anel e foi oferecê-lo aos mercadores. Eles olhavam com algum interesse, mas, quando ele dizia o quanto pretendia, desistiam.
Quando ele mencionava uma moeda de ouro, alguns riam, outros saíam sem ao menos olhar para ele. Somente um velhinho muito amável explicou que uma moeda de ouro era muito valiosa para aquele anel.
Abatido pelo fracasso, o rapaz retornou à presença do professor dizendo que o máximo que lhe ofereceram foram duas ou três moedas de prata. Ouro, nem pensar!
O dono do anel respondeu que seria importante, então saber o valor exato do anel. Sugeriu que o jovem fosse ao joalheiro para uma correta avaliação.
E fez outra recomendação:
"- Não importa o valor que lhe ofereçam, não venda esse anel."
O jovem, um tanto desanimado, foi. O joalheiro depois de examinar com uma lupa a jóia, pesou-a e disse ao rapaz:
"- Diga ao seu professor que se ele quiser vender agora não posso lhe dar mais do que cinquenta e oito moedas de ouro."
O rapaz teve um sobressalto:
"- Cinquenta moedas de ouro?"
"- Sim", retornou o joalheiro, "Com tempo eu poderia oferecer cerca de setenta moedas. Mas se a venda é urgente..."
O discípulo recusou a oferta e voltou correndo para dar a boa notícia ao professor. Depois de ouvi-lo, o professor falou:
"- Sente-se meu rapaz. Você é como este anel: uma jóia única e valiosa. Como toda a jóia preciosa, somente pode ser avaliada por quem entende do assunto. Por acaso você imaginou que qualquer um poderia descobrir o seu verdadeiro valor?"
Tomando o anel das mãos do rapaz, tornou a colocá-lo no dedo, completando:
"- Todos somos como esta jóia: muito valiosos. No entanto, andamos por todos os mercados da vida pretendendo que pessoas inexperientes nos valorizem."
Lembre-se sempre: ninguém pode nos fazer sentir inferiores sem o nosso consentimento.»

História tirada do livro: As mais belas parábolas de todos os tempos de Alexandre Rangel.

"Paz e Luz"

Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista o Programa Espaço Algharve no site: www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 22/04/2011

Olá como estamos? “ Um homem que quer reger sua própria orquestra necessita dar as costas à platéia” – James Cook – (navegador inglês)

Para mim, reger a própria orquestra significa parar um pouco e prestar atenção em nós. Onde estamos nesse exato momento e o que realmente queremos.
Pode não parece mas sabemos sempre quando algo não está caminhando na direção almejada.
Sentimos um desconforto, porém normalmente não damos muita atenção.
As atividades do dia acabam camuflando esse sentimento e pensamos: “isso vai passar”. Mas a verdade é que não passa e por não termos resolvido essa sensação isso cria ansiedade, angustia e talvez só vamos perceber a essa situação quando estouramos por algo sem importância.
Por incrível que pareça se soubermos aproveitar esse momento de crise, podemos nos centrar novamente e colocar as coisas no eixo.
Entretanto o essencial é conseguir olhar para dentro de você, saber que és o maior milagre do mundo, contar as suas benção e abençoar tudo o que você tem.
Às vezes, nesses momentos em que meu mundo vira de cabeça para baixo recorro a alguns livros e um dos meus favoritos é “ O maior milagre do mundo” de Og Mandino. Não importa a direção escolhida, siga sempre a melhor das bússolas: o seu coração.

“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista ao Programa de TV Espaço Algharve acessando o site: www.thatianatondato.com.br

Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 15/04/2011

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Como estamos? “Se choras porque perdestes o sol, as lágrimas não te deixarão contemplar as estrelas” Anônimo

A reclamação nos rouba muito tempo, diria até um tempo precioso. É um momento em que nada criado se aproveita. Acontece exatamente o oposto, entramos em uma sintonia onde somos “ levados para baixo”. Ficamos mesquinhos e não conseguimos ampliar a nossa visão. Quando a minha visão não consegue ir além daquele ponto onde me encontro gosto de pedir a Deus para me mostrar o que Ele vê. Em pouco tempo me acalmo e realmente consigo ampliar os meus horizontes. Enxergar com uma nova ótica determinada situação nos permite voltar a contemplar as estrelas. Por isso nunca deixe uma situação tirar o brilho e o amor dos seus olhos. Os olhos são a janela da alma e refletem o nosso interior. E afinal sempre atrairemos experiências de acordo com o tipo de pensamento que temos. Talvez agora seja o melhor momento para enxugar as lágrimas e voltar a contemplar as estrelas, a vida. “Paz e Luz” Thatiana Tondato – Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional Assista ao Programa de TV Espaço Algharve acessando o site: http://www.thatianatondato.com.br/ Jornal Sol Português - Toronto - Canadá - 08/04/2011

Como estamos? “A arte de escutar é como uma luz que dissipa a escuridão da ignorância”. Dalai Lama

Muitos líderes sabem que escutar é a essência da sabedoria. As pessoas querem ser ouvidas e se sentirem queridas. Muitas situações complicadas poderiam ser evitadas se parássemos para escutar um pouco mais. Você sabe...ouvir além do que está sendo dito. As pessoas querem ser ouvidas e o interessante disso é que na maior parte das vezes aquele que está falando acaba encontrando as respostas que estava procurando. Afinal são as respostas que movem o mundo. É claro que todas as respostas se encontram dentro de nós, mas existe tanto ruído a nossa volta e os pensamentos não param um segundo que dificilmente paramos para nos escutar, então ser ouvido é realmente um presente. Mas e você tem se ouvido? Podemos nos escutar silenciosamente ou prestar atenção nas palavras utilizados por nós e essa é uma pista para percebemos que tipo de experiências estamos criando. Quais palavras você costuma falar? Você gostaria que elas criassem as suas experiências? As palavras e os pensamentos moldam todas as situações na nossa vida e sempre é possível mudar o vocabulário e acrescentar palavras mais otimistas. Todos os dias podemos escolher sorrir ou chorar, amar ou odiar, falar belas palavras ou palavras vazias...e essa escolha determinará o rumo das nossas vidas. “Paz e Luz” Thatiana Tondato – Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional Assista ao Programa de TV Espaço Algharve acessando o site: www.thatianatondato.com.br Jornal Sol Português - Toronto - Canadá - 01/04/2011

“ Sucesso é passar de um fracasso para outro sem perder o entusiasmo” – Winston Churchill

Escrever sobre fracasso é algo muito delicado. Um assunto que fazemos questão de deixar de lado. Ninguém gosta de falar sobre seus fracassos, parece nos incomodar um pouco. Quase sussurramos para nós mesmos: “e se descobrirem que eu fracassei?” É muito intimidador, mas podemos ver o fracasso com outros olhos e descobrir que ele pode ser um motivador. Como? Primeiramente, se tirarmos um lição das nossas falhas, isso não será um fracasso. Na verdade o que acaba sendo pior talvez seja o medo de fracassar, e o medo nos paralisa. Ele é pior do que o fracasso em si, pois pode nos derrotar antes mesmo de termos começado. É incrível mas até que você supere o medo de fracassar, suas idéias criativas terão sempre uma barreira para se realizarem. Mas como eliminar esse medo? Talvez o interessante é começar a ver o fracasso com novos olhos. O livro Insight de Daniel Carvalho Luz nos passa exatamente como transformar o fracasso em uma alavanca. “Fracasso não significa que você é um fracassado. Significa que você ainda não teve êxito. Não significa que você tem sido tolo, mas que você tem muito otimismo. Fracasso não significa que você foi desacreditado significa que você estava disposto a tentar. Fracasso não significa que você tem falta de capacidade significa que você pode fazer algo diferente. Fracasso não significa que você é inferior, significa que você não é perfeito. Não significa que você desperdiçou a sua vida, mas que você tem motivos para começar de novo. Não significa que você deve desistir, significa que você deve lutar com mais afinco. Não significa que você jamais alcançará a sua meta, significa que você vai levar um pouco mais de tempo. Não significa que Deus o abandonou, significa que Deus tem uma idéia melhor” Pense nisso e com essa nova forma de pensar desejo que você possa determinar o tamanho e a altura dos seus sonhos. “Paz e Luz” Thatiana Tondato – Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional Assista ao Programa de TV Espaço Algharve acessando o site: www.thatianatondato.com.br Jornal Sol Português - Toronto - Canadá - 25/03/2011

"Viver é a coisa mais rara do mundo. A maioria das pessoas apenas existe.” (Oscar Wilde)

A vida é muito interessante e sei que às vezes gostaríamos de um manual, e até o recebemos mas ele vem em branco. Então surge a pergunta: como preencher esse manual? Não existe uma regra mas por vezes algumas palavras podem nos dar um direcionamento. Recentemente li um texto interessante comparando a vida a uma viagem de trem e ao percebermos que nem tudo dura para sempre, surge um sentimento de realmente aproveitarmos esse momento, esse presente tão maravilhoso. “Quando nascemos entramos nesse trem e nos deparamos com algumas pessoas que julgamos, estarão sempre nessa viagem conosco: nossos pais. Infelizmente, isso não é verdade. Em alguma estação eles descerão e nos deixarão órfãos de seu carinho, amizade e companhia insubstituível... Mas isso não impede que, durante a viagem, pessoas interessantes e que virão a ser super especiais para nós, embarquem. Chegam nossos irmãos, amigos e amores maravilhosos! Muitas pessoas tomam esse trem, apenas a passeio. Outros encontram nessa viagem, somente tristezas. Ainda outros circularão pelo trem, prontos para ajudar a quem precisa. Muitos descem e deixam saudades eternas, outros tantos passam por ele de uma forma que, quando desocupam seu acento, ninguém nem sequer percebe. Curioso é constatar que alguns passageiros, que nos são tão caros, acomodam-se em vagões diferentes dos nossos. Portanto, somos obrigados a fazer esse trajeto separados deles, o que não impede, é claro, que durante o trajeto, atravessemos com grande dificuldade nosso vagão e cheguemos até eles... Só que, infelizmente, jamais poderemos sentar ao seu lado, pois já terá alguém ocupando esse lugar. Não importa, é assim a viagem: cheia de atropelos, sonhos, fantasias, esperas, despedidas... Façamos essa viagem então, da melhor maneira possível, tentando nos relacionar bem com todos os passageiros, procurando em cada um deles o que tiverem de melhor. Lembrando sempre que, em algum momento do trajeto, eles poderão fraquejar e provavelmente precisaremos entender isso, porque nós também fraquejaremos muitas vezes e, com certeza,haverá alguém que nos entenderá. O grande mistério afinal é que jamais saberemos em qual parada desceremos, muito menos nossos companheiros, nem aquele que está sentado ao nosso lado.Eu fico pensando, se quando descer desse trem, sentirei saudades... Acredito que sim... Separar-me de alguns amigos que fiz nessa viagem. Deixar meus filhos continuarem a viagem sozinhos. Mas me agarro na esperança de que, em algum momento, estarei na estação principal e terei a grande emoção de vê-los chegar com uma bagagem que não tinham quando embarcaram... E ficarei feliz em pensar que colaborei para isso” “Paz e Luz” Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional Assista ao Programa de TV Espaço Algharve acessando o site: www.thatianatondato.com.br Jornal Sol Português - Toronto - Canadá - 18/03/2011

“Tudo o que você tem hoje um dia você quis” - Anônimo

É estranho pensar assim, mas atualmente temos muitas informações sobre a forma como os nossos pensamentos funcionam e atraem as situações que se encaixam no padrão de pensamento criado por nós. O que acontece é o seguinte: os sentimentos desencadeiam os pensamentos e este as palavras que geram as nossas ações. As ações criam os hábitos, estes originam o nosso caráter que por conseqüência forma o nosso destino. Por isso mesmo que você não perceba, tudo o que você tem hoje um dia você quis. Talvez o segredo é entendermos um pouco melhor o que sentimos para alterar o que estamos obtendo e assim mudar o nosso destino. Uma vez ouvi um ditado que dizia o seguinte: “tome cuidado com o que deseja, pois você pode obter e não saber o que fazer com isso”. Realizar um sonho também requer a responsabilidade do que isso acarreta. É importante nos posicionarmos perante o Universo. Dizer que estamos prontos para ter o que desejamos mas também aceitamos as responsabilidades, independentemente do que venha a acontecer. Saiba o que você quer e as suas conseqüências. Esteja pronto e informe o Universo, pois ele está preparado para nós há bilhões de anos! “Paz e Luz” Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional Assista ao Programa de TV Espaço Algharve acessando o site: www.thatianatondato.com.br Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 11/03/2011

“Se podemos sonhar, também podemos tornar nossos sonhos realidade”. Walt Disney

A cada dia nossas brilhantes mentes sonham e constroem mundos incríveis dentro de nós...mundo de paz, prosperidade, tolerância, amizade...mas acabam encontrando tantos obstáculos que ficam apenas no papel. Sonhar é apenas o começo...é necessário também uma ação positiva. Acreditar no que se sonhou e ter a coragem de agir. Recentemente recebi um texto da Disney inspirador e dedico a todos aqueles que decidiram triunfar. “E assim, depois de muito esperar, num dia como outro qualquer, decidi triunfar... Decidi não esperar as oportunidades e sim, eu mesmo buscá-las. Decidi ver cada problema como uma oportunidade de encontrar uma solução. Decidi ver cada deserto como uma possibilidade de encontrar um oásis. Decidi ver cada noite como um mistério a resolver. Decidi ver cada dia como uma nova oportunidade de ser feliz. Naquele dia descobri que meu único rival não era mais que minhas próprias limitações e que enfrentá-las era a única e melhor forma de as superar. Naquele dia, descobri que eu não era o melhor e que talvez eu nunca tivesse sido. Deixei de me importar com quem ganha ou perde. Agora me importa simplesmente saber melhor o que fazer. Aprendi que o difícil não é chegar lá em cima, e sim deixar de subir. Aprendi que o melhor triunfo é poder chamar alguém de"amigo". Descobri que o amor é mais que um simples estado de enamoramento, "o amor é uma filosofia de vida". Naquele dia, deixei de ser um reflexo dos meus escassos triunfos passados e passei a ser uma tênue luz no presente. Aprendi que de nada serve ser luz se não iluminar o caminho dos demais. Naquele dia, decidi trocar tantas coisas... Naquele dia, aprendi que os sonhos existem para tornar-se realidade. E desde aquele dia já não durmo para descansar... simplesmente durmo para sonhar.” “Paz e Luz” Sol Português - Toronto - Canadá - 04/03/2011

“Saudarei este dia com amor no coração” Og Mandino

Um dos livros mais inspiradores que já li é “O maior vendedor do mundo” de Og Mandino. No começo relutei imaginado que se tratava apenas de um livro sobre vendas. Mas depois descobri se tratar realmente de vendas...vender o nosso sonho a nós mesmos. Confiar que podemos tirá-lo do papel porque se a nossa base não estiver firme, qualquer vento poderá devastar os sonhos. Realizar um sonho tem a ver com autoconfiança, seguir adiante quando tudo parece ir na direção contrária, ter pessoas ao seu lado e saber que sem elas você não sairá do lugar. Tornar um sonho realidade está diretamente relacionado com o amor que você carrega em seu coração. Talvez você terá que verificar o que está colocando dentro do seu coração, porque como disse São Lucas “ a boca só fala do que está cheio o coração”. Não há como dizer e sentir belas palavras quando isso não tem espaço dentro de nós. Og Mandino também nos dá uma pista por onde caminhar: “Saudarei este dia com amor no coração. Amarei o sol porque me aquece e amarei a chuva porque purifica o meu espírito. Amarei a luz porque me mostra o caminho, amarei a escuridão porque me faz ver as estrelas. Receberei a felicidade porque ela engrandece o coração e tolerarei a tristeza porque abre a minha alma. Aceitarei prêmios porque são a minha recompensa e não obstante receberei de bom grado os obstáculos, porque eles são o meu desafio” E assim ele continua até chegar a minha parte favorita: “Em silêncio e para mim mesmo direi “Eu amo você”. Embora ditas em silêncio, estas palavras brilharão em meus olhos, desenrugarão minha fronte e trarão um sorriso a meus lábios...” Desejo que você possa saudar todos os dias com amor no coração e posso garantir que uns serão mais fáceis que outros, porém todos os dias podemos escolher acordar sorrindo ou chorando, alegres ou tristes. Permaneça confiante na sua escolha e a vida sempre lhe mostrará qual o melhor caminho a seguir. “Paz e Luz” Sol Português - Toronto - Canadá - 25/02/2011

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

“Não é a mágica que faz funcionar o Walt Disney Word Resort, mas a maneira como trabalhamos que cria a mágica” – Lee Cockerell – Vice Presidente Opera

Estudar a vida de Walt Disney, suas criações cinematográficas e seus parques, tem sido para mim uma descoberta a cada página, a cada filme assistido e a cada visita ao complexo.
Observo os detalhes e fico pensando: “como Disney conseguiu colocar seus sonhos tão bem no papel e o principal: tirá-los de lá e torná-los realidade”. Talvez alguns sonhos tenham ficado apenas na sua imaginação... Mas a verdade é: ele conseguiu dar vida a muitos sonhos e com tantos reveses no meio do caminho, sempre seguiu adiante.
Entretanto Disney não fez tudo sozinho e valorizar as pessoas sempre foi um ponto muito importante na sua liderança.
Talvez essa seja uma das grandes lições, seguir em frente quando tudo parece desabar e acima de tudo se preocupar com as pessoas. Às vezes é necessário dar um ou dois passos atrás para visualizar melhor o que está acontecendo e lembrar que para as coisas novas surgirem muitas vezes o modelo antigo sairá de cena e talvez essa adaptação incomode algumas pessoas.
As mudanças poderão acontecer lentamente ou nem teremos muito tempo para pensar, mas de qualquer forma elas fazem parte constante da nossa vida.
O importante é estar preparado e pronto para as novas situações, porque mesmo uma empresa tão sólida quanto a Disney terá que se reformular constantemente e ainda assim manter a mágica.
A qualidade do nosso trabalho não nasce da inércia, mas de um constante aprimoramento e isso requer inovação e o essencial: cuidar bem das pessoas.
Cuide bem das pessoas que trabalham para você e elas irão superar as expectativas dos seus clientes.
Como disse Cockerell: “ ...é o modo como trabalhamos que cria a mágica”

“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional
Assista o “Programa Espaço Algharve” no site www.thatianatondato.com.br

Jornal - Sol Português - Toronto - Canadá - 18/02/2011

“My name is Angel” - O dia que decidi conhecer Toronto

Na minha primeira viagem de negócios aos Estados Unidos em 1999, inclui uma visita a uma amiga que acabara de se mudar de São Paulo e resolveu tentar a vida em Toronto.
Liguei para uma agência de viagens em Miami e me perguntaram se eu tinha o visto canadense.
- Não, somente o americano – respondi – você pode me informar se há algum consulado do Canadá por aqui?
- Não, somente em Nova York ou Buffalo – foi a resposta.
- Onde fica Buffalo? – tornei a perguntar.
- Perto de Niagara Falls, que faz fronteira com o Canadá – ela me informou.
- Qual o melhor trajeto para chegar lá?? – indaguei.
- Você terá que ir até o aeroporto JFK em Nova York e depois fazer a conexão para Buffalo.
- Ok, você pode fazer a reserva – finalizei. Mais tarde eu passo na sua agência para pegar a passagem.
Liguei para minha amiga avisando que naquela semana eu estaria em Toronto. Ela ficou muito surpresa e não acreditava que eu estava indo para lá. Também perguntou sobre o visto e disse-lhe para ter um pouco de paciência pois eu teria uma peregrinação a fazer e contei-lhe o meu plano.
No dia seguinte embarquei rumo ao Canadá. Quando estava no avião, percebi que não teria muito tempo para encontrar o portão de embarque para Búffalo, pois haviam me avisado que o aeroporto era muito grande.
Comecei a conversar com um rapaz americano e me perguntou o que eu estava fazendo em N.Y. Expliquei o que estava acontecendo e ele se prontificou a me levar até o portão.
Esperando o vôo para Buffalo tentei saber se havia algum hotel próximo ao aeroporto, pois o avião pousaria quase uma da manhã, mas foi em vão.
Ao embarcar levei um susto, pois o avião parecia mais um teco-teco e quando levantou vôo rezei para que as hélices continuassem funcionando.
Mais ainda não sabia o que faria quando chegasse no aeroporto, então comecei a conversar com o rapaz ao meu lado e qual não foi a minha surpresa ao descobrir que ele estava voltando da América do Sul e falava até um pouco de português e morava em Buffalo.
Expliquei mais uma vez a minha história e disse-me que seus pais o buscariam no aeroporto e que eles poderiam me dar uma carona até o hotel, pois ficava do outro lado da estrada saindo do aeroporto.
Nesse momento meus pensamentos era os mais diversos: o que eu faço, será que eu posso confiar, talvez seja melhor eu esperar no saguão do aeroporto e quando amanhecer vou até o consulado canadense, ou talvez o melhor seja desembarcar e conhecer os pais do rapaz e se perceber que são confiáveis aceito a carona. Anjinho da guarda me ajuda!
Desci meio tímida do avião e logo pude avistar os pais, e também a irmãzinha. Ufa!!! Fiquei mais aliviada, parecia uma boa família. Ele logo me apresentou e explicou que eles teriam que me deixar no hotel.
Foi uma decisão sábia, o aeroporto estava vazio e não ficaria tranqüila, ainda mais com a bagagem e também não sei se conseguiria dormir.
Agradeci pela carona e prometi escrever para contar o resto da minha viagem.

Ao fazer o check in no hotel o atendente explicou que eles não tinham o sistema de despertador e o meu relógio também não tinha, o jeito foi colocar o meu despertador biológico para me acordar as 6:00 da manhã. E confiar.
Agradeci quando olhei no relógio e eram exatamente 6:00 a.m.. Um novo dilema tomou conta de mim após descobrir a localização do consulado - centro da cidade : levo a bagagem ou deixo a bagagem.
Resolvi fechar a conta e levar a bagagem. Uma van me deixou novamente no hotel e entrei em um ônibus circular. Nesse momento fiquei com medo pois havia três motoristas e ainda estava escuro. Entrei no ônibus para o centro da cidade, sentei perto da porta de entrada dianteira e ainda sonolenta vi um senhor muito grande entrar no ônibus. Disse-me que era o motorista.
Não demorou muito ele começou a dirigir e eu a rezar...
Quando clareou o dia me senti um pouco mais tranqüila e logo alguns passageiros entraram e me olhavam um pouco estranho. Eu estava conversando com o motorista e ele também me perguntou o que eu tinha me levado até aquela cidade. Comecei a achar que não era muito comum uma mulher viajar sozinha ainda mais em uma cidade não muito turística.
Expliquei novamente a história e disse-lhe que costumava chamar aquelas pessoas que tinha me ajudado de anjos.
Ele olhou para mim e disse: My name is Angel.
Essa foi boa, pensei, ele está brincando comigo!!!
Quando chegamos ao centro, perguntou-me onde eu ficaria hospedada e então sugeriu um hotel próximo ao consulado e não um que uma das minhas tias havia indicado e ainda acrescentou:
- Não fique andando pelo centro da cidade depois das 16:00h.
Agradeci pela ajuda e quando me levantei para pegar a mala e descer, pude ver o anel e nele estava escrito: Angel.

Depois de mais algumas aventuras finalmente cheguei a Toronto e passei uma semana encantadora na cidade.

Escrevendo hoje o artigo tenho certeza que essas pessoas foram colocadas no meu caminho para mostrar que a frase do educador David Star Jordan é verdadeira:
“O mundo se põe de lado para deixar passar qualquer pessoa que saiba para onde está indo” e eu acrescentaria: “e ele ainda nos ajuda para que isso aconteça”. Basta termos fé em nós mesmo, calma para percebermos os sinais e quando pedirmos ajuda realmente ela vem e normalmente...da maneira que menos esperamos.

“Paz e Luz”

Thatiana Tondato: Consultora de Empresas e Palestrante Motivacional
Assista o Programa Espaço Algharve no site : www.thatianatondato.com.br

Jornal - Sol Português - Toronto - Canadá - 11/02/2011