sábado, 8 de outubro de 2011

“ Fracasso é a incapacidade do homem em atingir seus objetivos na vida, sejam eles quais forem” – Og Mandino

Nessa semana decidi correr 5 km em uma prova de rua em São Paulo.
A saída e chegada eram no mesmo lugar: Estádio do Pacaembu.
Para muitos, talvez 5 km não represente uma distância assim tão grande, entretanto para mim foi um enorme desafio principalmente porque não gosto de correr. Esse talvez fosse o maior bloqueio.
Mas a vida me apresentou esse momento e lá fui eu quase sem treinamento enfrentar essa distância.
Foi dada a largada... no começo estava tranqüilo até ouvir o meu marido comentando: “ já completamos o primeiro quilômetro” !
“Não pode ser só isso” pensei.
Respirei fundo e continuei correndo.
Ultrapassando a minha expectativa, percorri bem a primeira metade do circuito, até começar uma subida para poder voltar. Nesse momento acabei com o meu fôlego e ainda tinha o retorno para completar os 5 km.
Comecei a sentir dor no meu pé...não é possível, pensei, porém continuei correndo. Mas a dor não passava.
Fechei os olhos, visualizei exatamente o ponto onde estava doendo e mentalmente vi a dor sumindo. Foi exatamente isso o que aconteceu: de repente o pé não doía mais.
Mas eu estava ofegante e ainda faltavam 2,5 km.
Então o único jeito foi colocar a mente para trabalhar a meu favor e dizia: “cheguei até aqui, consigo chegar até um pouco mais”. Repeti isso inúmeras vezes.
A frase de Lance Armstrong também me ajudou : “A dor é temporária. Ela pode durar um minuto, ou uma hora, ou um dia, ou um ano, mas finalmente ela acabará e alguma outra coisa tomará o seu lugar. Se eu paro, no entanto, ela dura para sempre”
Mas o que realmente me impediu de desistir foi o meu marido, ficando ao meu lado o tempo todo e perguntando se eu estava bem.
Finalmente ao longe avistei o Estádio do Pacaembu e indo além do meu limite, estipulei a meta de não desistir e pelo menos chegaria correndo até a entrada do estádio. Foi exatamente isso o que aconteceu.
Quando cheguei bati a mão três vezes na pilastra e brinquei: um, dois, três, Thatiana.
Nesse momento meu marido começou a rir e eu já tinha chegado ao fim das minhas forças correndo, mas ainda faltava atravessar o portal e finalizar os 5 km. Esse 100 metros foram muito interessantes, porque eu estava exausta, entretanto passei pelo portal confiante porque tinha conseguido alcançar a meta que me propus completar: Chegar ao Estádio.
Talvez se tivesse focado em passar o portal correndo, isso tivesse acontecido. De qualquer forma completei a prova e consegui o mais importante: quebrar o bloqueio de que não gosto de correr.
Senti-me muito bem por terminar.
Já estou procurando quando será a próxima corrida de rua , porém agora tenho um outro objetivo: estar mais preparada fisicamente para esse novo desafio.
Não importa o tamanho do seu objetivo e quanto tempo você levará para atingi-lo. Lembre-se que “ fracasso é a incapacidade do homem em atingir seus objetivos na vida, sejam eles quais forem” e tenho certeza que se você determinar , irá alcançar seus objetivos e até mesmo ultrapassá-los.
Confie em você!

“Paz e Luz”

Thatiana Tondato – Consultora Empresarial e Palestrante Motivacional

Assista ao Programa Espaço Algharve – falando sobre moda, motivação e empresas – pelo site www.thatianatondato.com.br


Jornal: Sol Português - Toronto - Canadá - 07/10/2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário